DS Contadores Associados

O planejamento fiscal pode reduzir tributos e ampliar a lucratividade dentro da legalidade.

É comum, principalmente em pequenas e médias empresas, os gestores serem aconselhados de forma errada a escolherem uma parte da receita a ser contabilizada, buscando, dessa forma, evitar tributações excessivas. Muitos caem nessa armadilha. Uma empresa para ser viável precisa operar dentro da legalidade, pagando os tributos existentes e funcionando, assim, de forma saudável. A lucratividade e o crescimento de uma empresa dependem de diversos fatores externos e internos aliados a uma boa gestão. Deixar de pagar tributos não é o caminho.

Na constituição de uma empresa, o empreendedor já precisa prever todos os custos e incluir na conta os tributos existentes. Assim, o planejamento estratégico deve ser elaborado pelos gestores com o objetivo de garantir um fluxo de caixa saudável e um faturamento que cubra todos os custos e tributos legais.

É fundamental que o empresário busque o aconselhamento de profissionais capacitados e que conheçam a legislação e as normas, as diferentes possibilidades de tributação e que consigam realizar um planejamento fiscal adequado ao contexto de cada empresa. A avaliação do responsável pela gestão contábil e tributária precisa ser sistemática e não isolada, ajudando o empresário a escolher o sistema que melhor se encaixa a sua realidade e dentro da legalidade.

Ao realizar a gestão de uma empresa, o empresário precisa trabalhar para alcançar a viabilidade dentro da legalidade. Operar da forma correta e com inteligência fiscal e tributária contribui para que as empresas sejam financeiramente saudáveis, tornando-se mais lucrativas e evitando a construção de um passivo oculto que, em algum momento, pode vir à tona.”, aconselha Dr. Reginaldo Santana, especialista no assunto e sócio da DS Contadores Associados.

O planejamento correto e a escolha do regime tributário adequado para cada caso deve ter o objetivo de evitar a evasão fiscal, ou seja, a sonegação que é o uso de meios ilícitos para evitar o pagamento de taxas, impostos e contribuições. O planejamento fiscal correto e feito por profissionais qualificados garante a elisão fiscal. Em outras palavras, a adequação da empresa ao formato mais vantajoso de pagamento de impostos, sem que para isso cometa qualquer ilegalidade.

Na apuração de informações para a declaração de Imposto de Renda, por exemplo, o empresário pode optar por dois métodos diferentes. O Imposto Simplificado, que é a uma opção para quem não tem muitas despesas para deduzir e, nesse caso, consegue um abatimento padrão de 20% sobre a soma de todos os rendimentos tributáveis recebidos ao longo do ano anterior, ou então, seguir com a declaração tradicional. Ambos os caminhos são legais e, em parceria com o contador, o empresário consegue escolher a opção que resultará em um imposto menor. Não é preciso omitir informações ou forjar pagamentos que não existem. A ilegalidade não é uma opção e demonstra que a operação da empresa é inviável.

A DS Contadores Associados investe na formação e preparação de sua equipe para atender os clientes com competência, ética e transparência. Assim, os colaboradores da DS atuam com segurança e conhecimento técnico qualificado para elaborar um planejamento tributário adequado a cada caso e que contribua para o crescimento saudável das empresas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *